Anunciado Pathfinder Adventure Path – City of Locusts

City of Locusts é a sexta parte de Wrath of the Righteous, onde o autor Richard Pett concluirá a aventura em um clímax emocionante. Os heróis, agora com poderes inimagináveis, têm enfrentado os exércitos demoníacos de Worldwound, entretanto, quando voltam à Golarion, descobrem que os seus inimigos não estão mais enviando capangas atrás deles, suas investidas despertaram a atenção não só dos líderes do Worldwound, mas a de seu patrono demoníaco, Deskari, Lord of the Locust Host.

Pathfinder Adventure Path #78 - City of Locusts

O método para fechar Worldwound está ao alcance dos heróis, mas, para isso, eles devem se aventurar onde nenhuma criatura fora capaz de retornar intacta. Eles devem entrar na cidade em ruínas de Locusts para derrotar seu governante demoníaco, mas mesmo isso é apenas um trampolim para a batalha final contra o próprio Deskari!

“City of Locusts” é uma aventura de Pathfinder RPG para personagens do 18º nível, que ganharam nove camadas míticas. A aventura utiliza regras de Mythic Adventures, retratando uma campanha verdadeiramente épica, através de uma exploração do culto apocalíptico de Deskari, junto com um artigo repleto de sugestões para continuar está campanha, seja após o sucesso, ou talvez falha, dos heróis, além de um bestiário com vários monstros, incluindo o lorde demônio final, e a parte final do Pathfinder Jornal, escrita por Robin D. Laws!

Pathfinder Adventure Path #78 – City of Locusts, Wrath of the Righteous 6 of 6, está disponível na Paizo Publishing, 22,99 dólares a versão impressa, enquanto a versão em formato PDF, sendo entregue somente a partir de 26 de Fevereiro, está por 15,99 dólares.

7 comentários sobre “Anunciado Pathfinder Adventure Path – City of Locusts

    • Olá, Lucas

      Alguns jogos mais táticos, como o D&D e o Pathfinder, por exemplo, utilizam tabuleiros (ou grid de batalha) e miniaturas, embora estes acessórios não sejam indispensáveis para jogar, determinadas habilidades, manobras, talentos e/ou poderes são representados mais facilmente nos combates.

      Por exemplo, um talento que requer que o seu personagem esteja adjacente ao alvo. Logo, na representação da miniatura no grid de batalha, o seu personagem deverá estar em um quadrado ao lado do adversário para realizar o ataque usando os benefícios do talento.

      Pessoalmente, não gosto de utilizá-los, principalmente se for com frequência, justamente porque acredito que limita a criatividade dos jogadores. Ainda assim, é um acessório muito utilizado, mas não é obrigatório.

      Abrçs,

      • É pq eu vi que na caixa básica do Old Dragon vem um tabuleirozinho e as miniaturas são de papeis.

        Ps: e por falar em Old Dragon hoje de madrugada comprei a caixa básica ^^

  1. Parabéns pela aquisição, Lucas.

    Tenho certeza que gostará de jogar. Aproveita e entra para a comunidade do Facebook do Old Dragon, lá você encontrará muito material extra, feito por fãs, além de que poderá retirar suas dúvidas, conversar e conhecer mais sobre o jogo. Abrçs,

    • Faço parte dessa comunidade e de outra sobre RPG, mas você acha uma boa contar a historia feita que vem na caixa, como a primeira sessão de RPG?

  2. Sim, aventuras introdutórias são importantes para iniciantes exatamente porque através dela vocês identificaram os conceitos básicos do jogo, geralmente elas trazem diversos pontos que são utilizados com maior frequência, embora de maneira mais simples.

    Abrçs e bons jogos!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s